BEM-VINDOS, TIJOLINHOS!

Vamos construir juntos esse espaço de convivência e troca de figurinhas sobre artesanato, cinema, livros, decoração, filhos, jardinagem, horticultura e tudo mais de bom que possa surgir!


terça-feira, 25 de outubro de 2011

Coisas que me encantam



Eu, agora uma legítima sitiante, percorro uma distância considerável para chegar ao meu objeto de desejo e refúgio do caos urbano... Vale totalmente a pena, e aos poucos vou me acostumando com os arredores do meu esconderijo, me deleitando com a visão de locais ou meros detalhes que me chamam a atenção pelo cuidado que alguém teve em idealizá-los, compô-los. Nada de glamour ou refinamento, e sim apreço e delicadeza!

Antigamente haviam mais flores dessas de barro pintado no tronco dessa árvore. Não sei se o dono (Só quero pensar em DONA, será preconceito de sexo? Ok, sei que existem homens sensíveis e caprichosos tb...) retirou os excedentes para o estoque da loja ou se foram roubadas ou vandalizadas. Mas o que me deixa louca pra sair procurando por podas de árvores é esse suporte de vasinhos feito de um galho ou árvore falecida. Muito lindinho! A loja em questão só vi aberta pouquíssimas vezes, uma pena, pois ainda não tive chance de visitá-la e conferir os produtos oferecidos.

Momento xereta meu... Reparem nas expressões dos sujeitos na mesa, me encarando. Fiquei morrendo de medo de ser confundida com alguma investigadora particular e ter o carro apedrejado ou pior! Tudo pra fotografar essa parede cheia de garrafas pet verdes simetricamente dispostas, com plantinhas dentro. Um muro ecologicamente correto e belo, mui belo! Quem vai negar? Um simples barzinho de beira de estrada.

Quase chegando, fico cheia de apetite com essa calçada repleta de mamoeiros. Não tiveram grana pra pavimentar ou de propósito criaram esse pomar que dá sombra e frutos? Sabe-se lá... Adoro essa casinha, mesmo não sendo fã de algumas cores e disposições de objetos. Gosto das fruteiras em profusão, da simplicidade, do portão sempre aberto, e principalmente...

...da mandala pintada à mão na entrada, presa com correntinhas. Nesta casa reside uma senhora que tem um filho especial. Ele passeia pelas ruas em um velocípede adaptado, sempre sorrindo e acenando para todos.

Essa foto ainda é do "antes". Nossa parca hortinha, com o inhame que começou a brotar na bancada da minha cozinha e para aí foi transplantado (a folha bem verde da ponta que afina), o pé de jerimum, das sementes de um espécime enorme que trouxemos de uma viagem a Teresina, e uma pobre cebolinha, cujo bulbo enterramos depois de picadas as folhas para congelamento.

Ao fundo a bananeira e em perspectiva o projeto de irrigação do maridex! Me encanta o talento de quem manja de eletrônica/hidráulica e bota a mão na massa... Se não fosse esse sistema nossas plantinhas não estariam viçosas como estão hoje! Aguardem mais capítulos dessa saga hortifrutifiori...

Beijos

5 comentários:

Adriana Balreira disse...

Adorei passear com vc pelo seu caminho. Adorei a cara de espanto dos hômis para vc! rsrs
Beijos
adriana

Edlena Franklin disse...

Tirei as fotos no carro, parando pelo caminho... Medo de invocarem comigo! Em breve faremos novos passeios, rs.
Bjo grande

Veronica Kraemer disse...

Edlena querida, vim agradecer seu carinho comigo lá no bloguito e amei seu espaço!!!
este post está fantástico, com os cantinhos que fostes admirando, e pedaços da sua casa.
Obrigada por compartilhar, é tudo muito lindo e cheio de vida!!!
Beijossssssss e tudo de bom pra ti
Vero

Edlena Franklin disse...

Vero, seja bem-vinda e vc merece todo o carinho... Estarei postando com mais frequência sobre meu cantinho na roça! Despachei todo o meu arsenal de manualidades pra lá e estou doida pra pôr em prática todas as dicas preciosas da blogosfera, as suas principalmente!
Beijão

Josiana Leite disse...

Muito legal as imagens, gostei da parede com plantas, são realmente detalhes que a gente vê carinho, bjss.
josiana leite
www.decorafino.com.br